English French German Italian Spain

 


Recomendamos atualizar constantemente esta página


 

'Relógio do apocalipse' permanece a 100 segundos da meia-noite


Os ponteiros do chamado "relógio do apocalipse", que simboliza a iminência de um cataclismo planetário, foram mantidos nesta quinta-feira (20) a 100 segundos da badalada final, sem observar qualquer melhora desde o recorde estabelecido em 2020, de acordo com a agência de notícias France Presse.

Também chamado de relógio do fim do mundo, o indicador metafórico foi criado em 1947 devido ao crescente perigo nuclear e ao aumento das tensões entre Estados Unidos e União Soviética. O relógio é uma iniciativa do Boletim dos Cientistas Atômicos (BPA, na sigla em inglês).

Não se trata de um objeto em si, mas de uma ilustração simbólica. Os ponteiros do relógio não se movem por meio de uma medida científica, mas de acordo com o parecer dos integrantes do conselho de ciência e segurança do BPA, que se reúne duas vezes por ano para determinar o quanto falta para meia-noite.

Os ponteiros do chamado "relógio do apocalipse", que simboliza a iminência de um cataclismo planetário, foram mantidos nesta quinta-feira (20) a 100 segundos da badalada final, sem observar qualquer melhora desde o recorde estabelecido em 2020, de acordo com a agência de notícias France Presse.

FONTE

 

 

 



 

Saiba que o Altíssimo está no controle de tudo e de todos. Mesmo nos momentos mais difíceis, Ele estará conosco. A nossa salvação em Cristo é eterna. Nele, somos novas criaturas. Ele já venceu a morte. Ele é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na tribulação. Se você leu este artigo e ainda não tem a certeza da salvação eterna em Jesus, faça agora mesmo um compromisso com Ele! Convide-o para entrar em seu coração e mostrar-lhe a verdade que liberta. Veja porque você precisa ser regenerado e justificado, para viver a boa, perfeita e agradável vontade eterna do Criador e estar firme Nele diante de qualquer circunstância. Clique AQUI.

 

 

 


© Copyright Projeto Ômega – Todos os direitos reservados